Após protestos, lei deve isentar PIS/Pasep e Cofins sobre transporte público

Nessa Quarta(26) a câmara dos deputados aprovou uma proposta que zera as alíquotas das contribuições sociais para o PIS/Pasep e a Cofins sobre os serviços de transporte público coletivo municipal rodoviário, metroviário, ferroviário e aquaviário de passageiros.

A proposta foi a votação após a grande onda de protestos em várias cidades do País, a ideia principal é fazer o valor das passagens de ônibus, trens e metrôs e de embarcações aquaviárias, segundo informou a Agência Câmara Notícias ao Portal Terra.

A redução a zero das referidas alíquotas para os serviços de transporte coletivo já está em vigor por conta da edição da Medida camaraProvisória 617/13. Mas a comissão mista do Congresso que deverá analisar a MP ainda não foi instalada.

O governo está tentando melhorar sua imagem junto a população, e tentando absorver o suposto “prejuízos” que teve ao evitar o aumento de 0,20 centavos no preço, qual sua opinião?



One Response

Deixe uma resposta